SEO On Page – Como Otimizar Artigos para Blogs

Fazer um bom trabalho de SEO On Page será um diferencial para seus blogs. Disso não tenho dúvidas!

Depois que investi em treinamentos que me ensinaram exatamente o que fazer em termos de otimização de artigos e páginas, o tráfego dos meus projetos digitais melhorou infinitamente.

Já dei algumas provas disso neste artigo – Aprenda a posicionar Artigos no Googleonde eu mostro alguns de meus resultados com SEO On Page.

Hoje o que quero compartilhar com você é de extremo valor e vejo pouquíssimas pessoas fazendo. Eu vou te mostrar passo a passo como eu faço o SEO On Page aqui do blog Saia da Crise. 

SEO On Page – Por onde começar

SEO On Page - Por onde começar

Antes de iniciar a escrita e o trabalho de SEO On Page, é necessário que você escolha o objetivo do seu artigo ou página. 

Mas, independente de ser um artigo de puro conteúdo ou com foco em conversão e vendas, é muito importante que você pesquise por palavras-chave que sejam eficazes para o seu objetivo.

As três ferramentas que mais utilizo no dia a dia nesta busca por palavras-chave são

  • Google Search Console
  • Planejador de palavras-chave do Google
  • Check Moz

Com a convicção de que escolhi uma boa palavra-chave, lembrando, de acordo com o objetivo que desejo atingir com o conteúdo, aí sim, inicio o processo de construção do artigo/página e o trabalho de SEO On Page.

Dicas importantes 

Antes de iniciar o passo a passo te ensinando como fazer o SEO On Page dos seus artigos, quero te dar algumas dicas importantes. Estas dicas podem contar excelentes pontos pra você em relação aos mecanismos de busca.

2 Diquinhas muito fundamentais para SEO 

  • Escreva um artigo com pelo menos 500 palavras. Na verdade, especialistas em SEO apontam que o ideal é escrever artigos longos, de 1000 a 2000 palavras. Portanto, capriche no conteúdo.
  • Nunca copie conteúdo. O Google e outros mecanismos de busca possuem tecnologia suficiente pra detectar cópias. E, vou logo te avisando, eles penalizam blogs com conteúdo duplicado. Então, seja honesto, construa seu próprio conteúdo.

Se você realmente deseja trabalhar com conteúdos para blogs, saiba que sim, dá trabalho, e sim, os resultados podem demorar um pouco mais. Contudo, se você escolheu este caminho, faça o seu melhor. 

SEO On Page – Iniciando a Otimização de Artigos

SEO On Page - Iniciando a Otimização de Artigos

O primeiro passo é escolher um bom título para o seu artigo. Além de conter a palavra-chave em foco, seu título deve ser chamativo e sempre utilizar técnicas de Copywriting.

Conter uma chamada pra ação pode ser um grande diferencial e gerar mais cliques em seu artigo ou página. Isso pode potencializar ainda mais o seu SEO On Page.

Em alguns casos mesmo que você não esteja entre as 3 primeiras posições nos mecanismos de busca, Copywriting pode salvar sua vida e te trazer excelentes resultados. Para saber mais sobre Copy, dê uma olhada neste artigo aqui – Como Escrever um Bom Artigo – a importância da Copy – 

O Título em seu artigo é o H1. Certifique-se de utilizar apenas um H1 para cada artigo ou página que criar. 

Uma excelente ferramenta que utilizo pra me auxiliar nesse processo de otimização é o plugin Yost SEO. Este plugin possui uma versão gratuita pra quem utiliza a plataforma de CMS WordPress. Vale muito a pena!

H2 – Os “capítulos” do seu artigo

O ideal é que você use de dois a três H2 em para um bom SEO On Page, tanto em artigos quanto em páginas. O que não significa que você não possa inserir mais do que isso. Porém, procure pelo menos usar dois H2 nos textos que criar.

O que é H2? É uma espécie de “introdução a um capítulo”. Onde você irá iniciar um novo tema em seu artigo. 

H2 – Os “capítulos” do seu artigo – um exemplo vivo de H2.   😉

H3 – Nem sempre, mas se possível

O H3 é como se fosse um sub-capítulo. Ou seja, um capítulo dentro de um capítulo. Geralmente eu utilizo um H3 quando um “capítulo” – H2 – está muito longo. Isso ajuda a melhorar a legibilidade do seu artigo. 

Mas, o que é legibilidade? Vem da palavra legível, traduzindo, de fácil leitura. Isso é muito importante e levado em conta pelos mecanismos de busca. 

A legibilidade é tão importante quando o SEO, pois influencia diretamente na maneira como as pessoas vão ler seus artigos.

Os robôs do Google e outros mecanismos de busca levam isso consideração cada vez mais, principalmente na era dos Smartfones. Então, a legibilidade está atrelada ao seu trabalho de SEO On Page. 😉 

Se ao escrever, seus parágrafos estiverem muito longos, procure otimizar as informações que deseja passar. Menos é mais! Procure transmitir a informação de maneira objetiva.

Palavras-chave em caixa alta

Conforme utilizar a palavra-chave no decorrer da escrita de seu artigo, procure colocar a (s) primeira (s) letra (s)  em caixa alta. Isso ajudará os robôs dos mecanismos de buscas a identificar quais palavras são mais relevantes pro seu artigo, contribuindo para um bom trabalho de SEO On Page.

Além, disso, geralmente quando buscamos por algo no Google, por exemplo, e a primeira letra da palavra-chave que procuramos aparece em caixa alta, ela certamente chama mais atenção. 

Nesta caso, pensar na experiência do usuário com certeza trará diferencial aos seus conteúdos. 

A densidade da palavra-chave

A densidade da palavra-chave

A densidade da palavra-chave poderá ser verificada através de um bom plugin de SEO. O que eu uso é o Yoast SEO.

Existem muitos bons Plugins gratuitos disponíveis pra quem usa o CMS do WordPress. Procure na área de plugins > Adicionar Novo.

Outra opção é usar alguma extensão no seu navegador que irá te ajudar neste trabalho. Eu utilizo o SEOquake, uma extensão do Chrome.

Dá pra quebrar o galho, unindo ao Yost e o SEOquake, e assim você não precisa investir em uma ferramenta de SEO neste primeiro momento.

A densidade da palavra-chave para SEO On Page, preferencialmente deve estar acima de 1,5%. Até 3 ou 4% você conseguirá construir um conteúdo de qualidade, sem influenciar negativamente na composição de um bom conteúdo, ou seja, que não seja um conteúdo repetitivo.

Não existe uma regra quanto ao número de vezes que você deve usar a palavra-chave no SEO On page. Isso irá depender principalmente do tamanho do seu texto. Pois, é a partir desta referencia que o plugin medirá a densidade da palavra-chave.

Palavra-chave no início do primeiro parágrafo

Se possível coloque a palavra-chave em foco entre as três primeiras no início do primeiro parágrafo do artigo. 

Esta é uma técnica de SEO On Page bastante utilizada e muito importante para um bom trabalho neste sentido. 

Lembre-se de colocá-la em negrito e em caixa alta. Combinado?  😉 

Palavras-chave relacionadas

No processo de escolha da palavra-chave de seu artigo, anote palavras-chave que seja relacionadas.

Isso irá te ajudar no processo de construção de um artigo mais completo de palavras que as pessoas possivelmente procurem nos mecanismos de busca.

Você pode usar essas palavras tanto dentro do artigo, como na caixa de Tags. Se usar dentro dos artigos, coloque-as em itálico para dar destaque.

Este destaque não será apenas visual, pro seu leitor. Mas, também será levado em conta pelos mecanismos de busca.

Dica importante! Dentro do artigo procure usar variações da palavra-chave em foco, ou seja, que sejam semelhantes, dando a mesma ideia. Use de duas a três variações. O restante das palavras que selecionou, coloque na caixa de Tags.

Links Internos e Links Externos

Links são fundamentais para um bom trabalho de SEO On Page. No início do artigo, de preferência no primeiro parágrafo, acrescente um link de uma página de autoridade, como a Wikipédia, por exemplo. 

Não coloque um link que tenha relação estrita com a palavra-chave que você deseja posicionar. Isso certamente irá te atrapalhar no posicionamento. 

Veja como eu fiz aqui neste artigo que você está lendo! 

  • Links Externos são links para outros sites/blogs – páginas ou artigos.
  • Links Internos são links de dentro do seu blog, sejam de páginas ou artigos. 

Os links internos mostram aos mecanismos de busca que seu artigo possui conteúdo relacionado a temas específicos que costuma tratar em seu blog.

Isso também te ajuda a melhorar a navegabilidade em seu blog. Pois, conforme você tiver conteúdos relacionados ou complementares ao tema que está tratando, poderá citar estes artigos.

Assim, você fará com que seus leitores naveguem em seu blog, e leiam mais artigos. Aumentando o tempo de permanência em seu blog, e o que é ponto positivo pra você!

Otimização de Links Internos

Sempre que você inserir um Link Interno em seu artigo ou página, procure otimizá-lo. Como fazer isso? Simples! 

  • Vá no aba “Texto”. Fica ao lado da aba “Visual”. Basicamente, é onde aparecem alguns códigos em HTML do seu artigo.
  • Procure pelo Link Interno que você inseriu. 
  • Após o link insira os seguintes termos – title=””
  • Entre as aspas, você deverá inserir o título que usou para nomear o link interno – eu fiz esse trabalho logo no terceiro parágrafo deste artigo que você está lendo. Repare em “Aprenda a posicionar Artigos no Google” , se posicionar o mouse em cima do link aparecerá o mesmo título. 
  • Faça Assim  title=”Aprenda a posicionar Artigos no Google” (Veja o Exemplo abaixo).

href=”http://saiadacrise.blog.br/aprenda-a-posicionar-artigos-no-google/” title=”Aprenda a posicionar Artigos no Google

Este trabalho de SEO On page nos links internos são muito relevantes para o Google e outros mecanismos de buscas. Dá um trabalhinho, mas é importante!

Otimização de Links Externos

Ao inserir links externos em seus artigos ou páginas, é muito importante que você transforme os links “dofollow” em “nofollow”. 

Isso irá ajudar no processo de otimização do SEO On Page. Desta forma você não transmite a autoridade do seu artigo ou página para o site mencionado.

Como fazer

  • Vá no aba “Texto”, a mesma que citei aqui em cima na otimização de links internos.
  • Encontre o link externo 
  • Após o link, acrescente rel=”nofollow”
  • Exemplo: <a href=”https://pt.wikipedia.org/wiki/Redator_publicitario” target=”_blank” rel=”nofollow”>

Assim como o trabalho de linkagem interna otimizada, também dá um trabalhinho, mas é tão importante quanto se você deseja realmente fazer um bom trabalho de SEO On Page.

Imagens e SEO On Page

Imagens e SEO On Page

Imagens são fundamentais para transmitir ideias, sensações, e tudo mais o que as palavras não dão conta.

Então, escolha imagens excelentes, que complementem a mensagem que deseja transmitir com o artigo que está escrevendo.

Mas, além disso, lembre se de colocar atributos ALT em suas imagens. Aí, entra o nosso querido SEO On Page.

A propósito confira esta seleção com 139 Bancos de Imagens Online que fiz aqui no blog 😉 

O que são Atributos ALT?

Todas as vezes que você coloca uma imagem em um artigo, página, ou até mesmo uma imagem em destaque – aquela que será a “capa do artigo”, é importante fazer o seguinte: 

  • Na área “Visual”, enquanto faz as edições do artigo, clique na Imagem
  • Selecione a opção “Editar”
  • No campo “Texto Alternativo”, escreva uma descrição – que deve ser o “título” do H2 ou H3 o qual ele está abaixo. (se ficou confuso, dá uma olhada na primeira imagem que coloquei aqui neste artigo. Passe o mouse em cima da imagem. Você vai reparar que vai aparecer o “título” do parágrafo o qual ela se refere – sacou?!)
  • Em “Atributo Title da Imagem”, escreva o mesmo “título” que você colocou no “Texto Alternativo”.
  • Clique em “Atualizar”

Pronto, sua imagem já possui o Atributo ALT. Faça isso em todas as imagens do artigo, inclusive na imagem de destaque.

Dicas Extras de SEO On Page

Utilize um plugin para avaliação de seus artigos – eu utilizo o plugin Ratings, sempre ao final dos meus artigos. Vá em Plugins > Adicionar Novo > digite no campo de busca “Ratings”.

Crie listas no decorrer da escrita de seu artigo. Além de melhorar a visibilidade do texto e a experiência do seu leitor; especialistas afirmam que isso também contribui como fator de ranqueamento. Resultado de um bom trabalho de SEO On Page.

Vídeos são a bola da vez e com certeza podem ser usados para otimizar seu SEO On Page. Sempre que possível acrescente um vídeo dentro de seus artigos e/ou páginas. Isso também contribuirá para um maior tempo de permanência em seu blog 😉 

Recapitulando

Definitivamente fazer SEO On Page dá trabalho. E, esta é apenas uma parcela do trabalho que você terá para manter um blog bem posicionado.

Mas, não desanime! Pode ter certeza que no longo prazo tudo isso será muito bem recompensado.

SEO On Page em 12 passos

  1. Escolha da palavra-chave
  2. Escreva artigo de pelo menos 500 palavras e Nunca Copie Conteúdo
  3. Utilize apenas um H1 para cada artigo – Lembre do Copywriting e da CTA
  4. Use pelo menos dois H2 em seus artigos ou páginas
  5. Se possível use um H3 – Lembre-se da legibilidade
  6. Coloque a palavra-chave em CAIXA ALTA
  7. Verifique a densidade da palavra-chave – pelo menos 1,5% 
  8. Use a palavra-chave no início do seu artigo, de preferência no início do primeiro parágrafo
  9. As palavras-chave relacionadas podem ser úteis
  10. Otimização de Links Internos e Links Externos
  11. Imagens valem mais que mil palavras #SQN   ;P
  12. Dicas extras: Plugins Ratings, Listas e Vídeos

Observação muito importante

Não se preocupe em usar ABSOLUTAMENTE TODAS estas técnicas de SEO On Page que forma citadas neste artigo.

Até porque isso pode ser considerado como uma espécie de “super otimização” pelos mecanismos de busca.

Fazer um bom trabalho de SEO On Page consiste em saber utilizar ferramentas e técnicas de maneira inteligente a seu favor. Portanto, tenha moderação neste sentido. E, tudo é teste! 

Quer aprender ainda mais sobre SEO On Page, SEO Off Page e Otimização de Blogs e Sites? Veja este artigo aqui.

Haja texto!

Escrever esse artigo deu um baita trabalho. Foram mais de 2500 palavras aqui. Não sei você já entende de SEO On Page. Se utiliza essas técnicas. Se conhece e aplica todas elas… 

Enfim, estou com a consciencia realmente tranquila de que entreguei o meu melhor aqui hoje.

Decidi que a partir deste ano de 2018 irei criar um artigo por semana aqui no blog porque quero me dedicar a outros projetos e aprimorar meus conteúdos.

Porém, meu compromisso aqui continua sendo entregar o melhor conteúdo possível e que possa te ajudar de verdade a obter e/ou melhorar seus resultados no Marketing Digital.

Se você está lendo este artigo na semana em que foi postado, saiba que estou viajando, e infelizmente não consegui deixar artigos programados aqui no blog.

Por isso os artigos de segunda e quarta não deram as caras. Mas, estou aqui à 1H50 da madruga finalizando este artigo para postar.

Na verdade, eu havia programado meu Schedule de conteúdo antes da viagem, mas acabei ficando doente e não consegui fazer nada. Até por isso que essa semana e a próxima não terei vídeos no Canal.

Mas, se você ainda não é inscrito por lá, fica aqui o convite – Se inscreve, que eu tô trazendo muito conteúdo bacana no decorrer deste ano de 2018. 

E, diante de algumas situações e mudanças em minha vida e projetos, acabei por definir que um post realmente bom por semana é muito melhor do que dois posts mais ou menos. 

Então, por hoje é isso, eu te vejo em breve, gratidão pela leitura, Milla Ribeiro.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (5 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe seu Comentário aqui...